igreja-vazia

Igrejas fechadas: Artistas enfrentam dias difíceis

Está a ser um período difícil mas der reflexão, findo o qual algumas mudanças hão de acontecer, disse o músico Victor António, na terça feira 19.05, durante uma conversa na página do Facebook do portal Arautos da Fé.

igreja-vazia

Com o tema “Mercado da música em tempo e pós pandemia”, participou também a cantora Conceição Catoquessa, sendo que os cantores Michel Boaz e Carlos Filipe, outros convidados, por problemas técnicos tiveram dificuldades para participar.

“Não está sendo fácil esse período, principalmente para mim, habituado a estar cara a cara com as pessoas”, revelou Victor António, para quem as transmissões via redes sociais “não são a mesma coisa”.

Apesar de todos os constrangimentos, o músico garantiu que muita coisa vai mudar depois que a pandemia passar.

Abordando a solidariedade no seio da classe nesse período, contou que já recebeu ajudar de colegas, mas colegas com os quais tem alguma proximidade. “Hoje ainda fui a ilha buscar uma saco de peixe que a irmã Cubana ofereceu a minha família”, revelou.

 

Novos tempos exigem desconstrução de conceitos

A cantora Conceição Catoquessa, reconheceu que o momento é difícil, mas exige uma “desconstrução de conceitos” e a “aceitação dos novos tempos”.

A artista referiu o facto de noutros mercados os músicos estarem a ganhar dinheiro com plataformas como Youtube, observou que dificuldades no acesso as tecnologias tem empobrecido os músicos angolanos. “Noutros países não se fazem mais vendas de discos”, lembrou.

Ainda sobre a sustentabilidade dos músicos neste período, disse ser um desafio muito grande, já que as igrejas onde os artistas conseguiam algum cachê estão fechadas. “A internet será a ferramenta essencial para a divulgação e sustentabilidade”, referiu.

Analisando a participação feminina na música gospel neste período, assegurou que é menor em relação a dos homens. “Há necessidade de elas se reinventarem, adaptarem-se aos novos tempos”, alertou, realçando que há questões de género que não podem ser ignoradas.