JTS

JTS vai colocar este ano a disposição do público a sua primeira obra discográfica.

2020: JTS promete surpresas

O grupo JTS terminou bem o ano 2019 e para 2020 garante estar “firme” e sempre trabalhar para honra e glória do Senhor, disse ontem ao portal Arautos da Fé, Xavier Viegas membro do grupo.

JTS
JTS vai colocar este ano a disposição do público a sua primeira obra discográfica.

Diferente de 2018 em que o grupo atendeu muitos convites, 2019 foi aproveitado pelos integrantes do grupo para estarem mais próximos de suas famílias. “Este ano 2020 viemos para dar mais ao ministério de louvor e com muitas surpresas pela frente”, prometeu.

O músico garantiu que ainda neste primeiro semestre do ano o público saberá a data de lamento do seu primeiro CD. “Houveram algumas dificuldades na pessoa do nosso patrocinador que dificultaram a saída do CD”, afirmou Xavier Viegas ao justificar o atraso no lançamento da obra gravada há já algum tempo.

Questionado sobre a realização de concertos do grupo neste período, referiu que o lançamento do CD será antecedido por um concerto. “Estamos só aguardando uma data para o lançamento do CD. A ideia é fazermos o concerto pouco tempo antes de lançarmos o CD, como forma de apresentação”.

Analisando a música gospel durante o ano 2019, Xavier Viegas sublinhou que teve muitas portas abertas nos media,
“que normalmente só eram abertas para a música secular”.

“Não tenho como dar um saldo negativo porque houveram músicos gospel que receberam prémios em actividades que normalmente homenageava-se músicos seculares. Não que estejamos a se vangloriar, mas que até aqueles que não têm Cristo como foco, já dão atenção aquela música que fala de Cristo”.

No entanto, apontou, é necessário melhorar alguns aspectos e melhorar a irmandade entre os músicos. “Não podemos exigir que os não cristãos abram portas para os cristãos quando nós mesmos nos fechamos”.