violaçao

Mulher paga homem para matar rival

Uma cidadã, de 37 anos, foi segunda-feira, 11, violada sexualmente e mantida em cativeiro durante horas na zona do Madungo, bairro Sagrada Esperança, arredores da cidade de Mbanza Kongo,
província do Zaire, por um indivíduo contratado pela sua rival para a matar. violaçao

O facto foi revelado, ontem, pelas autoridades policiais, após a detenção do suposto sequestrador e violador, resultante de denúncia dos parentes. O acusado, após ter sido detido pelos operativos do
Serviço de Investigação Criminal (SIC), na noite de terça-feira, na zona do Madungo, confessou ter sequestrado e abusado sexualmente à vítima. Além de a ter mantido em cárcere privado durante
horas, também, se apropriou de 52 mil kwanzas.

Segundo o acusado, para a consumação do acto havia recebido orientações específicas de Maria Lindeza, 28 anos, por sinal rival da vítima, no sentido de usar todos os meios possíveis para dar um
sumiço à ofendida, a troco de 30 mil kwanzas.

Posto na residência da vítima, conta o acusado, no bairro 11 de Novembro, pedi que a acompanhasse numa casa inacabada e abandonada no bairro Madungo, em Mbanza Kongo, onde a amarrou e a manteve em cativeiro. A vítima, cujo nome não foi revelado, contou aos efectivos do Serviço de Investigação Criminal (SIC), que não reagiu ao sequestro e violação por temer pela vida, porque, segundo ela, o sequestrador empunhava um objecto que parecia ser uma arma de fogo (pistola).

Segundo o porta-voz do Comando Provincial da Polícia Nacional no Zaire, inspector-chefe Luís Bernardo, a avaliação médica à vítima comprovou que a vítima sofreu de facto violação sexual, mas o seu estado clínico é estável.