Casamentos da Igreja Católica reconhecidos no Registo Civil

Casamentos da Igreja Católica reconhecidos no Registo Civil

O clero e agentes do cartório notarial da conservatória em Benguela começaram, na última terça-feira, um ciclo de formação com todos os intervenientes sobre o Acordo-Quadro entre o Vaticano e o governo angolano.

Segundo o consevador Feijó Cortês, as consevatorias, paróquias vão estar potenciadas para receberem a formação na instrução dos processos preliminares, para que os casamentos canónicos e concordatário produzam os seus efeitos civis.

O Bispo da diocese de Benguela, diz estar satisfeito pela materialização do acordo, e espera que os padres estejam bem informados nesta matéria para que não se cometa erros e levar avante este processo importante para os fiéis.

O casamento concordatário um dos elementos do Acordo-Quadro vai permitir aos fiéis católicos realizarem apenas uma cerimônia matrimonial válida também para o civil. A medida consta do Acordo-Quadro celebrado em Setembro de 2019 pelo Estado angolano e a Santa Sé.

Por Linda Franco

Casamentos da Igreja Católica reconhecidos no Registo Civil